Autoconfiança e segurança: como a maneira que você se veste influencia na sua imagem pessoal; consultora explica

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Foto: Bruno Andrade

Você sabia que a forma como você se veste influencia na sua carreira profissional? E não só na sua carreira, mas reflete também na sua imagem pessoal. A nossa imagem pessoal influencia tanto, que é possível transmitir muitas informações que não condizem com a realidade. Sobre o assunto, o Eufemea conversou com a consultora de Imagem, Estilo e Moda, Anne Costa.

Segundo Anne, a maneira como nos vestimos também é responsável por nos trazer segurança e autoconfiança.

E quando falamos na carreira profissional, essa confiança tem tudo a ver. De acordo com a consultora, o mais importante é ser profissional quando falamos em trabalho. E isso também inclui a nossa vestimenta.

Anne deu algumas dicas e disse que é preciso ter cuidado, principalmente quando se trabalha em uma área mais formal.

“Decotes ousados, cores intensas, estampas maxi ou coloridas, acessórios grandes e chamativos, unhas decoradas e coloridas, lingerie aparente, aspecto do cabelo, cores na maquiagem, tipos de calçados… tudo será levado em consideração. É importante a comunicação verbal estar condizente com a não verbal e vice-versa”, explicou Anne.

Pesquisas também apontam que as roupas podem alterar o comportamento das pessoas. Sobre isso, Anne disse que depende de como é a rotina, trabalho e estilo da pessoa.

“É de extrema importância você ter ciência do que gosta de vestir e conhecer o seu guarda-roupa, provar suas próprias peças, buscar separar as produções ao menos na noite anterior, para não ter surpresas e atrasos”, comentou.

Ainda de acordo com ela, cores e linhas nos ajudam com relação às sensações e imagens transmitidas.

Consultoria não é coisa de celebridade

E pra quem não sabe, existe uma profissional que pode te ajudar nesse entendimento de como ter uma imagem melhor. Anne explicou que ao contrário do que algumas pessoas acham, a consultoria de imagem não é um serviço exclusivo para ricos ou artistas, mas sim, para todos que querem ter o autoconhecimento, aperfeiçoar a sua imagem, otimizar seu tempo e se sentir seguro com suas próprias escolhas.

“Encontrar seu estilo, suas cores, aprender mais sobre seu corpo e como usar sua imagem de forma estratégica para transmitir seu objetivo de forma assertiva e com autoconfiança”, complementou.

É através da consultoria que o profissional vai estudar a necessidade da pessoa através da imagem e elaborar uma estratégia da imagem atual x imagem planejada. “Sempre respeitando seu gosto, sua rotina e seus limites”, disse.

Cabe a essa profissional avaliar durante a consultoria — junto com você — o seu estilo, proporção corporal, linhas e modelagens, tecidos, características do rosto, maquiagem, cabelo, guarda-roupa, personal shopper e montagem de looks. “Tudo dentro das suas necessidades e objetivos”, finalizou Anne.