Elas se uniram e criaram um clube para a geração 60+ de Maceió: “Nossa ideia é gerar ocupação criativa”

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Você já deve ter ouvido a frase: ‘Ela largou tudo para empreender’. Essa frase se aplica bem ao caso da psicóloga Vanessa Fagá Rocha, de 48 anos, que trabalhou por 24 anos em uma grande empresa de Maceió, sendo 12 como gerente. No meio do caminho, Vanessa encontrou a arquiteta Evelyne Enoque Cruz. As duas uniram os sonhos, empreenderam e fundaram o Clube Vida Criativa para a geração de 60 + com o objetivo de despertar a criatividade, motivação e o bem-estar, promovendo a longevidade e conexões entre as pessoas.

O começo de tudo

Vanessa contou ao Eufemea que na época, aproveitou o programa de demissão voluntária da empresa para viver um novo momento, mas que já estava se preparando para o negócio. Vanessa ‘largou tudo’ e decidiu empreender.

“Eu já tinha feito o teste do modelo de negócio, já estava rodando a empresa meio que em paralelo com a minha sócia e trabalhávamos na época até 23h”, disse.

Vanessa disse que queria trabalhar com a terceira idade e que ao longo do período que trabalhou no Sebrae, ela se apaixonou pelo empreendedorismo.

“Afinal de contas, a gente fala disso o tempo todo, vê o sonho das pessoas e eu tinha o sonho de ter a minha empresa”, afirmou. Vanessa disse que a motivação veio dos pais, das amigas da mãe e da sócia.

Como Evelyne também queria trabalhar com pessoas acima dos 60, elas uniram os sonhos e criaram o Vida Criativa que é um clube da longevidade.

Foto: Cortesia ao Eufemea.

“A ideia foi ter um negócio que pudesse ter um olhar específico para essa geração prateada. Dos 60 até os 100 existem várias terceiras, quartas e quintas idades, mas as necessidades são diferentes”, reforçou Fagá.

Vanessa disse que nota que mesmo com a aposentadoria, com os filhos casados, morando sozinhos, ou longe, existe uma lacuna na vida de boa parte dos prateados em aprender coisas novas.

“Eles se veem com muita vida pela frente. A expectativa de vida do brasileiro aumentou e ele tem ficado mais atento para alimentação e exercício físico. E isso tem feito com que a gente viva mais, mas a gente precisa viver bem”, afirmou.

Vanessa Fagá Rocha, psicóloga

Espaço no mercado para a terceira idade

A psicóloga também contou que desde 2018 que voltou a estudar todos os aspectos da cognição dos idosos. “A cognição é aquela coisa da memória, da atenção, da nossa capacidade de manter a nossa atenção por mais tempo. Muito se fala no esquecimento, mas muitas vezes não é um problema da memória, mas sim de atenção”.

Foi daí que ela e a sócia perceberam que tinha espaço no mercado que se prestasse a atender essa geração de uma forma diferenciada.

“A nossa ideia sempre foi gerar o que nós chamamos de ocupação criativa. E o que é isso? Ocupar seu tempo aprendendo novas habilidades, conhecendo novas pessoas, testando novas coisas e conhecendo novos lugares”, explicou.

E como funciona o clube? Segundo Vanessa, todas as semanas elas realizam atividades. Com o público quase 100% feminino, as mulheres aprendem a fazer artesanato diferente, jardinagem, oficina para estimular a memória, crossfit adaptado, entre outros.

Para fazer as atividades, as empreendedoras fizeram parcerias com empresas. “A nossa intenção é fazer uma grande rede de pequenas empresas que queiram atender esse público, mas tem que ser uma vontade genuína”, disse Vanessa.

Com a pandemia, as atividades presenciais precisaram ser suspensas, mas isso não impediu que elas fizessem os encontros de maneira online. “Nosso entendimento não é um momento de fazer negócio, mas sim de gerar relacionamento”, reforçou a empreendedora.

Conheça o Clube

Sobre os desafios de empreender, Vanessa disse que não é fácil, ainda mais numa pandemia. Entretanto, ela enxerga o momento como uma oportunidade de aprendizado.

“Nós temos acessado muitas consultorias do Sebrae que ajudam e estamos nos preparando com o possível retorno por causa da vacinação. A gente respeita muito a história de vida de quem já passou dos 60”, comentou.

Para conhecer mais o trabalho do Clube, basta entrar no https://www.clubevidacriativa.com.br/ ou no Instagram: clube.vidacriativa