Autoaceitação: você também busca pela foto perfeita para as redes sociais?

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Foto: Danaemercer

Oi minhas Bonitas, como vocês estão? Hoje vou falar sobre um assunto que sempre falo muito: a autoaceitação. Diariamente, somos “atacadas” nas redes sociais acerca da nossa imagem, o padrão de corpo e o rosto perfeito. Temos manias de apontar os defeitos do outro, criar a ilusão do perfeito e desejáveis padrões irreais, como já mencionei em outros textos aqui.

Já deixou de publicar uma foto por causa de uma gordurinha a mais? Ou aquela celulite que ficou evidente na foto de shortinho? Sem falar nas estrias que insistem aparecer na selfie de biquíni?

É normal a autocrítica ao nos vermos nas “fotos indesejáveis”

– Meu Deus! Meu braço está enorme nessa foto, apaga!!!

– Olha o tamanho dessa barriga! Uii, apaga urgente!

E assim seguem os comentários que eu sei que vocês já fizeram em algum momento.

E é em relação a isso que quero falar, alertar e expor. 99,99% das fotos postadas em redes sociais são editadas, tratadas e muitas vezes possuem truques como: a pose certa, a luz boa, o ângulo perfeito, a câmera com alta qualidade e até o fotógrafo que é um “artista” em seus retratos.

A jornalista Danae do perfil @danaemercer aposta em manter um perfil cheio de inspirações sobre a autoaceitação e o poder que cada parte do nosso corpo tem. Cada elemento do nosso corpo conta uma história da nossa vida. Em seu perfil, ela mostra como a internet é cheia de “fakes” Segredos de edições, de como tudo fica “perfeito” quando se tem a melhor pose. Ela fala muito sobre como nos cobramos e o que chegamos a fazer com o nosso corpo para criar algo que nunca vai existir: a perfeição!

Foto: Instagram

Em seus textos, Dan faz menção de como sofreu como o peso e a busca obsessiva pela magreza. Dietas exageradas, exercícios sem pausa, iogas e outras coisas às quais no submetemos para chegar a uma resposta do corpo perfeito, porém, quando se olha no espelho (ou nos tocamos no chuveiro), sempre achamos que nada que fazemos é o suficiente para esse corpo sonhado. Porém, o segredo de qualquer esforço é a forma com a qual nos enxergamos e quando nos olhamos com amor e cuidado, percebemos que nosso corpo sempre foi perfeito.

Foto: Instagram

Às vezes, perdemos tanto tempo criando a cena perfeita, o lugar perfeito, que esquecemos de aproveitar o que realmente importa – as histórias, as memórias e as pessoas. Queremos construir a melhor foto, sendo que perdemos ou não aproveitamos o momento que aconteceu.

Já perceberam que os melhores momentos e as melhores histórias não tem registro em nossas vidas? Mas, você se lembra em detalhes o que isso significou para você – e tenho certeza que vem até um sorriso só de pensar na história -.

Quero saber de vocês:

Quantas vezes deixamos de usar algo que gostamos, ou que temos vontade, só porque não achamos que nossa aparência física não deixa?

Estou no Instagram: @luizaasabrina