Categorias
Inspiradoras Interna Notícias

De 23 secretarias, 12 serão comandadas por mulheres em AL; confira quem são elas

O deputado estadual Paulo Dantas, 42 anos, foi eleito o novo governador de Alagoas. A votação aconteceu ontem (15), na Assembleia Legislativa de Alagoas, em Maceió, e contou com a presença de 25, dos 27 parlamentares. No seu primeiro discurso, Paulo enalteceu as mulheres e disse que o Governo iria fazer algo histórico: o primeiro escalão com o maior número de mulheres já registrado.

“A melhor forma de reconhecer de verdade o valor das mulheres alagoanas é trabalhar para mudar essa estrutura machista secular que existe em nosso estado. Acredito que colocando mulheres nos cargos de alto escalão, em postos que podem definir o desenho de políticas públicas, estaremos dando um passo decisivo para avançarmos na efetivação da equidade de gênero. Porque pra mim lugar de mulher é na liderança, lugar de mulher é na política. Pra mim lugar de mulher é onde ela quiser”, reforçou Dantas.

Das 23 secretarias, 12 serão comandadas por mulheres. Elas foram empossadas na manhã desta segunda-feira (16), no Salão Aqualtune, no Palácio República dos Palmares.

Conheça as mulheres que integram o primeiro escalão do Governo de Alagoas.

Procuradoria-geral de Estado (PGE)

Samya Suruagy do Amaral – Graduada em Direito pelo Cesmac, é integrante da carreira de procurador do Estado de Alagoas desde 2003. Nos últimos sete anos, atuou como coordenadora da Procuradoria de Licitações e Contratos da PGE. Esteve à frente da Coordenadoria Geral do Interior (Arapiraca). Foi professora Universitária e de cursos preparatórios para concurso público. Foi nomeada pelo governador Renan Filho, com posse efetuada na interinidade do governador Kléver Loureiro.

2. Controladoria-geral do Estado (CGE)


Adriana Araújo – Formada em Ciências Contábeis e com MBA em controladoria, ambos pela Ufal, é mestranda pela Fucape. Professora universitária, vice-presidente de Administração e Planejamento do Conselho Regional de Contabilidade em Alagoas. Está à frente da Controladoria Geral do Estado desde julho de 2021.

3. Secretaria de Estado do Trabalho e Emprego (Sete)

Maria Cláudia Gomes Chaves – advogada, especialista em Direito do Trabalho e Processo do Trabalho pela Universidade Anhanguera. Ela foi assessora de Controle Interno da Controladoria Geral do Estado de Alagoas.

4. Secretaria de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos (Semudh)

Maria José da Silva – Mulher negra e de descendência indígena, formada em Administração pela Estácio de Sá Alagoas e ocupa o cargo de secretária de Estado da Mulher e dos Direitos Humanos de Alagoas desde junho de 2018. Há mais de 16 anos é ativista e militante, e levanta as bandeiras dos direitos humanos e da defesa de todos os cidadãos e cidadãs, sem distinção de raça, gênero ou posição social.

5. Secretaria do Gabinete Civil

Luiza Barreiros – Possui graduação em Comunicação Social pela Ufal. Atuou como gestora de comunicação no Tribunal Regional do Trabalho da 19ª Região, Ministério Público Federal, Ordem dos Advogados do Brasil, Câmara Municipal de Maceió e Secretaria Estadual da Fazenda. Foi consultora estratégica em projetos institucionais. Atuou como repórter e editora em jornais impressos e também na TV nas áreas de política, economia e Justiça.

6. Secretaria de Estado da Infraestrutura


Maria Gevan Gomes Tenório Amorim – Engenheira civil e pós-graduada em Engenharia de Petróleo e Gás. Ela já foi assessora técnica Especial de Projetos, Gerente de Edital e Contratos e Gerente de Orçamento de Abastecimento de Água da Seinfra.

7. Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio


Renata dos Santos – Formada em Economia pela UFRJ, tem MBA’s em Gestão Financeira pela FGV e pela Universidade de Chicago e é mestranda em Administração Pública pela Fucape. Ocupou o cargo de secretária Estadual do Tesouro alagoano entre abril de 2016 e abril de 2022. Funcionária de carreira da Eletrobras, com passagens pela Secretaria de Estado da Fazenda do Rio de Janeiro e Câmara Municipal do Rio de Janeiro.

8. Secretaria de Estado da Cultura


Mellina Freitas – Formada em Direito pela Fadima, com MBA em Gestão Pública pela Unyleya, é secretária de Estado da Cultura desde 2015. Foi prefeita de Piranhas entre 2008 e 2012. Escritora e poetisa com vários trabalhos publicados. É membro efetivo da Academia Maceioense e da Piranhense de Letras e Artes.

9. Secretaria de Estado da Assistência e Desenvolvimento Social


Manuelle Santos de Farias – Psicóloga formada pela Universidade Federal de Alagoas. Foi diretora da Superintendência de Políticas para Mulheres de Arapiraca e também trabalhou no Centro de Referência e Atendimento à Mulheres em Situação de Violência. Tem destaque no trabalho com Desenvolvimento em Psicologia Organizacional e Psicologia Clínica.

10. Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico e Turismo


Caroline Laurentino Balbino – Advogada com 18 anos de experiência na área empresarial. Foi conselheira estadual da OAB. Integrou o conselho de contribuintes da Secretaria da Fazenda do Estado de Alagoas.

11. Secretaria de Estado da Educação (Seduc)


Professora Roseane Ferreira Vasconcelos – Graduada em História pelo Centro Universitário CESMAC (1993) e em Pedagogia pela Universidade Paulista (2010). Especialista em Gestão Escolar, Educação Especial, Formação para a docência, Estatística e Avaliação Educacional. Concursada das redes estadual e municipal de Maceió. Atuou como gestora escolar, sendo vencedora do Prêmio Gestão Escolar (2011). Era superintendente da Rede Estadual de Ensino de Alagoas.

12. Coordenadoria-geral da Governança Corporativa


Poliana Santana – Graduada em Administração de Empresas, possui experiência em gestão organizacional nos setores privado e público. Foi secretária adjunta da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e da Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, onde foi também secretária de Estado em 2014. Desde 2015 atua como Coordenadora Geral da Governança Corporativa. Possui especialização em Engenharia da Qualidade pela USP, MBA em Marketing pela FGV, formação em coaching pelo Integrated Coaching Institute, formação em Conselho de Administração pela Fundação Dom Cabral e pós-graduação pela Amana Key.

Por Raíssa França

Jornalista e fundadora do portal Eufemea

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *