Colabore com o Eufemea

Compartilhar viagem, sentar atrás do motorista: veja dicas para você se sentir mais segura ao utilizar carros de aplicativo

Foto: Internet

Em Alagoas, o registro de maior incidência de crimes contra a dignidade sexual da mulher durante corridas por aplicativo é a importunação sexual, de acordo com informações da delegada Ana Luiza Nogueira, da Polícia Civil (PC). Após receber denúncias de golpes e assédios contra passageiras, o Eufêmea reuniu algumas orientações de como reduzir os riscos em apps de transporte.

De acordo com a delegada Ana Luiza Nogueira há algumas medidas que podem ser utilizadas pela mulher com o objetivo de se prevenir em transportes de aplicativos.

“A primeira delas é o compartilhamento do trajeto com algum familiar ou amiga. A checagem da rota também é medida importante, e se houver desvio acionar familiares/amigos. Além disso, evitar pedir o app em ruas pouco movimentadas, dando preferência sempre a locais seguros”, explica.

Ana Luiza informa que em casos de importunação sexual ou comportamentos estranhos, a passageira deve entrar em contato com a empresa utilizando a própria plataforma e, no primeiro caso, denunciar assim que possível na delegacia de polícia.

Foto: João Urtiga

“Em Maceió, há duas delegacias de defesa da mulher, uma delas na parte alta, no Conjunto Salvador Lyra, e a outra com sede no Code – Complexo de Delegacias Especializadas, com funcionamento 24h. Além disso, o registro pode ser feito através da delegacia virtual, no site da Polícia Civil de Alagoas. É importantíssimo o registro da ocorrência”, ressalta.

Confira abaixo mais alguns dicas de como reduzir os riscos de sofrer golpes em apps de transporte:

“Golpe do perfume”

De acordo com a delegada Ana Luiza, não há registros sobre o golpe em Maceió. No entanto, é importante que as mulheres estejam atentas ao caso que já foi relatado em outros estados.

Diante de um caso como esse, é importante não aumentar ainda mais o risco, como confrontar o motorista ou sair do carro em movimento. O ideal é que a passageira tente sair do carro de forma segura, ao solicitar para o motorista que vai precisar descer antes do destino final e buscar ajuda em algum local.

Aplicativos oferecem recursos de segurança

Ao utilizar o transporte por aplicativo, é importante verificar os recursos de segurança que a plataforma disponibiliza para as usuárias. Alguns apps possuem botão de emergência, caso algo aconteça, e ferramentas para gravação de áudio durante a corrida. Sempre “estude” todas as opções disponíveis, seja nas “Configurações” e na “Ajuda” da ferramenta.

Sempre compartilhe a viagem com alguém

Um outro recurso para garantir que a passageira chegue ao trajeto final em segurança, é compartilhar a viagem com alguém. Então, sempre avise a uma pessoa de confiança sobre a situação e peça que ela fique atenta.

Peça corridas pelo seu aparelho

Outra dica importante é que a passageira peça a corrida pelo próprio aparelho, para que consiga ter controle de quem será o motorista e o carro. Além disso, isso é fundamental para que ela possa solicitar ajuda com mais facilidade, se necessário.

Sempre verifique se as informações correspondem com as do motorista

Apesar da correria do dia a dia, nunca se esqueça de verificar se a placa do carro e o rosto do motorista mostrados no aplicativo condizem com o que chegou até você. Essa é uma recomendação enviada pelos aplicativos em todas as viagens, então não se pode ignorar!

Peça para o motorista confirmar seu nome

Além das etapas de verificação das informações da viagem, você pode pedir para o motorista confirmar seu nome antes de entrar no carro. O seu nome sempre aparece no app dos motoristas parceiros, assim como o nome do seu motorista aparece no seu app. Para confirmar seu nome com segurança, você pode perguntar: “Quem você veio encontrar?”.

Evite pegar carros de transporte fora do aplicativo

Em algumas situações, como saídas de eventos ou de aeroportos, muitos motoristas oferecem corridas e tentam negociar fora dos aplicativos. Combinando apenas com o motorista, isso te deixa vulnerável, por estar fora do controle da plataforma.

Esteja atenta ao trajeto

Não prestar atenção no trajeto que está sendo realizado pode ser perigoso. Suspeite, sim, se o tempo de chegada começar a aumentar e se você começar a não reconhecer algumas ruas!

Sente no banco de trás do motorista

Sempre que possível, senta-se no banco de trás, principalmente se estiver sozinha. Dessa forma, ele não terá visão completa do corpo do passageira, o que pode inibir ou dificultar casos de assédio sexual, por exemplo. Em Maceió já foram reportados casos em que o motorista teria deixado o celular no compartimento entre os bancos da frente, filmando a passageira no banco de trás, não sentar no meio pode ajudar a coibir a conduta.

Maria Luiza Lúcio

Maria Luiza Lúcio

Lorem Ipsum is simply dummy text of the printing and typesetting industry. Lorem Ipsum has been the industry's standard dummy text ever since the 1500s.