Ame-se: Programa já beneficiou 25 mulheres alagoanas que venceram o câncer de mama

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

Hospital Metropolitano de Alagoas (HMA) foi contemplado, na quarta-feira (21), com 42 próteses mamárias para reconstituição dos seios de pacientes submetidas à mastectomia. A doação faz parte das ações do Programa Ame-se, da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau), que tem como objetivo devolver a autoestima das mulheres alagoanas que venceram o câncer de mama.

Lançado em outubro de 2020, o Ame-se já beneficiou 25 mulheres, que continuam a ser acompanhadas pela equipe multiprofissional do programa. Antes da realização da cirurgia para colocação das próteses, elas passam por consultas com especialistas e acompanhamento de uma equipe multidisciplinar.

O secretário de Estado da Saúde, médico Gustavo Pontes de Miranda, ressalta a importância do Programa Ame-se para as mulheres mastectomizadas.

“Por meio desta iniciativa, contribuímos para devolver a autoestima às mulheres, que, geralmente, ficam muito abaladas psicologicamente após a retirada da mama em razão do câncer”.

A coordenadora do Ame-se, mastologista Francisca Beltrão, destacou que por meio das cirurgias de reconstrução mamária é possível devolver a autoestima, confiança e sexualidade a quem já sofreu com o diagnóstico do câncer de mama e, atualmente, está recuperada da doença.

Para contemplar as mulheres mastectomizadas, a equipe do Programa Ame-se faz contato com os Centros de Alta Complexidade em Oncologia (Cacons). Após uma triagem, elas são encaminhadas para a primeira consulta, onde é avaliado o quadro clínico de cada paciente. Em seguida, elas são encaminhadas para o cirurgião plástico, que dará continuidade ao processo de reconstrução mamária.

Sonho

Maria Nazaré, de 53 anos, é uma das pacientes que será beneficiada com as próteses mamárias adquiridas e entregues pela Sesau ao Hospital Metropolitano.

“Descobri o câncer com 35 anos. Já faz 19 anos que estou na espera, na luta para conseguir colocar a prótese e, agora, chegou o meu momento. Fiz a cirurgia para colocar o expansor faz um ano e um mês e, agora, já estou com a cirurgia marcada. Estou muito feliz, não sei nem como agradecer”, comemorou.

Ivanilda de Freitas, de 58 anos, é mais uma das mulheres atendidas pelo Ame-se, que irá finalmente realizar o sonho de colocar sua prótese mamária.

“Descobri o câncer com 40 anos e hoje estou tendo a oportunidade de fazer essa reconstrução. Retirei a mama direita em 2013. Faz um ano e dois meses que coloquei o expansor para fazer a cirurgia. Estou muito feliz e não tenho nem palavras. Agora vou poder usar um biquíni”, disse a paciente emocionada, ao saber que terá sua cirurgia marcada.

*Com Assessoria