TJ premia servidora vencedora da coleta interna do Fórum de Maceió

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp

O Núcleo Socioambiental do Tribunal de Justiça (TJAL) divulgou o resultado da coleta seletiva do mês de agosto. Foram 218,7 kg separados internamente por funcionários da limpeza, e 231,9 kg de materiais levados de casa por servidores, totalizando 450,6 kg separados para reciclagem.

Na Capital, os resíduos são destinados à Cooperativa de Recicladores de Lixo Urbano de Maceió (Cooplum). Em Arapiraca, o material vai para a Associação de Catadores de Resíduos Sólidos de Arapiraca (Ascara).

O Tribunal premia os servidores que mais contribuem com a coleta interna e externa nos prédios onde a coleta seletiva funciona, com uma folga e um broche.

Uma das premiações engloba a sede do Tribunal de Justiça e a Escola Superior da Magistratura (Esmal). José Edmilson foi o vencedor da coleta interna, com 59,10 kg; e Maria Laura Calheiros, da Secretaria Geral, venceu a coleta externa, com 107,10 kg.

A funcionária Maria de Fátima destinou 127,50 kg e venceu a coleta interna do Fórum da Capital. Mirella Carla Lima, da Contadoria, foi a servidora que mais contribuiu com a coleta externa no Fórum, com 11,4 kg.

A Coleta funciona também no Fórum de Arapiraca, onde a funcionária Maria Cícera Rodrigues foi a vencedora da coleta interna com 32,1 kg. Marlyane Vanderlei de Almeida, da 3ª Vara da Comarca, venceu a coleta externa em Arapiraca, com 113,4 kg.

A Coleta Seletiva foi implantada pelo Núcleo Socioambiental em 2016, inicialmente apenas na sede do TJ e posteriormente expandida para os demais prédios atualmente participantes. O Núcleo é vinculado à Assessoria de Planejamento e Modernização do Poder Judiciário (APMP), e tem a coordenação do servidor Alexandre Caiado.

*Com TJ