Colabore com o Eufemea

Com sorteio de abadás e excursões, Hemoal realiza campanha de doação de sangue no Carnaval a partir desta segunda (30)

Foto: Olival Santos

“Folião que doa sangue multiplica alegrias!” Com este slogan, o Hemocentro de Alagoas (Hemoal) iniciou, nesta segunda-feira (30), a Campanha de Doação de Sangue no carnaval, que visa formar um estoque estratégico para atender a demanda transfusional durante as festas de momo.

A ação, que ocorre nas Unidades de Arapiraca, Coruripe e Maceió, até o dia 16 de fevereiro, irá sortear 60 abadás de seis blocos carnavalescos, além de quatro passagens para duas excursões.

Idealizada com o apoio da Liga Carnavalesca de Maceió e a Flamingo Excursões, a Campanha de Doação de Sangue do Hemoal contará com três etapas. A primeira vai até as 11h da sexta-feira (3) e os voluntários que doarem até lá estarão concorrendo a 20 pares de abadás para desfilar, no sábado (4), pela Orla de Maceió, nos Blocos Caveira (Timbalada), Pecinhas (Parangolé), do Rei (Xandy Harmonia) e da Rolinha (Marlon Rossi).

A segunda etapa irá até às 11h da sexta-feira (10), e os voluntários que doarem até esta data concorrem, automaticamente, a 10 pares de abadás para desfilar, no domingo (12), também pela Orla de Maceió, nos Blocos Vulcão (Banda da Polícia Militar) e Futbarca (Trio Kanalha).

Já a terceira e última etapa da Campanha de Doação de Sangue do Hemoal será encerrada às 11h do dia 17 de fevereiro. Neste dia, haverá o sorteio de dois pares de ingressos para as excursões, bate/volta, até as Dunas de Marapé, em Jequiá da Praia, no dia 26 de fevereiro, e ao Balneário Águas de São Bento, em Boca da Mata, no dia 4 de março, sendo um par para cada uma delas.

Segundo a assistente social do Hemoal, Rayara Andrade, os sorteados serão informados por telefone e os nomes serão divulgados no portal www.saude.al.gov.br, nos instagrams @hemoalagoas, @ligacarnavalescademaceio e @flamingoexcursões.

“Esclarecemos que os doadores de sangue sorteados receberão vouchers para trocar pelos abadás, possibilitando que participem dos blocos a que forem contemplados, conforme acordado com a Liga Carnavalesca de Maceió. No caso dos ingressos para as excursões, eles serão entregues no dia 23 de fevereiro, após a quarta-feira de cinzas e serão repassadas todas as informações para os contemplados, como horários, ponto de partida e programação do evento, de acordo com a Flamingo Excursões”, explicou.

Como participar

Para participar da Campanha do Hemoal, após o ato da doação, o voluntário irá receber um cupom, onde preencherá com seu nome completo e data de nascimento. O técnico que o atender irá destacar o canhoto com o número igual ao do cupom e entregar ao doador para que ele guarde consigo.

Já a outra parte, com nome, telefone e número, será depositada em uma urna, para posterior conferência. Os sorteados deverão estar cientes que, ao participar da ação promocional, estão autorizando, automaticamente, o uso de imagem e identificação para que a Assessoria de Comunicação do hemocentro possa dar ampla divulgação à entrega dos vouchers, abadás e passagens.

Coletas externas

Durante a Campanha de Doação de Sangue para o Carnaval, além de receber doações nas Unidades de Maceió, Arapiraca e Coruripe, o Hemoal também realizará Coletas Externas. Nos dias 7, 8, 9 e 14, a Unidade Móvel estará na Praça Marque da Silva, em Arapiraca.

No dia 11, a ação itinerante irá ocorrer na Igreja Adventista do Farol, em frente à Praça de Santa Rita. No dia 13, a Unidade Móvel coleta sangue no Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac) de Arapiraca e no dia 15 no Campus Arapiraca da Universidade Federal de Alagoas (Ufal). As ações ocorrem sempre das 8h às 16h.

Critérios para doação

Ainda conforme a assistente social do Hemoal, é necessário atentar que, além de 16 a 69 anos, peso igual ou superior a 50 quilos, boa saúde e documento de identificação com foto, é necessário seguir outros critérios.

“É preciso lembrar que o doador de sangue não pode ingerir bebidas alcoólicas nas últimas 12 horas que antecedem a doação. É fundamental ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas que antecedem a prática do gesto voluntário. Também devem ser evitados os alimentos gordurosos, mas não pode doar sangue se o voluntário estiver em jejum”, informou Rayara Andrade.

Ela também destacou que no caso das pessoas que tenham colocado piercing, feito tatuagem, maquiagem definitiva ou micropigmentação, a doação de sangue é vetada por 12 meses. Quanto aos impedimentos definitivos, determinados pelo Ministério da Saúde (MS), ficam proibidos de doar sangue os voluntários que já tiveram hepatite após os 11 anos, doença de Chagas, Aids e sífilis.

“No caso das mulheres, podem doar sangue normalmente, desde que não estejam grávidas ou amamentando. E para repetir o procedimento, o homem deve aguardar no mínimo 60 dias e a mulher 90 dias”, salientou Rayara Andrade.

*com Ascom Hemoal