Colabore com o Eufemea

O que fazer em casos de vazamento de gás? Veja medidas de segurança

Foto: Divulgação

Os vazamentos de gás podem acontecer pelo acúmulo de gás em contato com uma fonte de ignição e são incidentes perigosos que podem resultar em explosões, incêndios e intoxicações. Gases como GLP (gás liquefeito de petróleo) e gás natural são amplamente usados em residências e indústrias, tornando a segurança no manuseio e armazenamento desses combustíveis prioridade. Mas, o que fazer em casos de vazamento de gás?

Para responder essa pergunta e na tentativa de mitigar eventuais incidentes, alertando para a necessidade de conscientização e pronta resposta da população, a Algás se reuniu com o Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas (CBMAL) para oferecer orientações sobre o que fazer em casos de vazamentos de gás.

Identificação e ação imediata

Em caso de suspeita de vazamento de gás, é crucial que os moradores sigam os seguintes passos: desligue imediatamente qualquer chama aberta e evite acionar interruptores de luz, campainhas, ou qualquer outro dispositivo elétrico que possa gerar faíscas; abra portas e janelas para permitir a circulação de ar e dispersar o gás acumulado; todos os ocupantes devem deixar o local imediatamente, evitando o uso de elevadores; e após evacuar a área, contate imediatamente o Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas através do número 193. É importante fornecer informações detalhadas sobre o endereço e a situação do vazamento.

Prevenção e conscientização

A Algás tem trabalhado incessantemente para garantir a segurança dos seus clientes, implementando tecnologias avançadas e realizando inspeções. No entanto, a prevenção de acidentes também depende de ações responsáveis por parte dos usuários, a exemplo das inspeções periódicas em equipamentos a gás e instalações, garantindo que estejam em perfeito estado de funcionamento.

Também é preciso estar atentos aos cheiros suspeitos, pois o gás natural é tratado com uma substância que lhe confere um odor característico para facilitar a detecção de vazamentos. Qualquer cheiro suspeito deve ser levado a sério.

Manutenção preventiva

Segundo o Sargento do CBMAL, Rodolfo Marcelo a manutenção preventiva é de extrema importância. “Para nós, que fazemos parte do Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas, é imprescindível a manutenção preventiva no que se diz respeito ao vazamento de gás. Saber reconhecer e como agir já nos auxilia demais. Em ocorrência de vazamento de gás, nossa intervenção precisa estar alinhada a uma boa conduta preventiva da empresa’’, afirmou.

O Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas está preparado para responder rapidamente a emergências relacionadas a vazamentos de gás. A corporação orienta que, ao entrar em contato pelo número 193, o solicitante mantenha a calma e forneça informações claras e precisas, como endereço completo e ponto de referência, a natureza da emergência (cheiro de gás, presença de chamas, etc.), presença de pessoas no local. Durante a espera pela chegada dos bombeiros, é vital que ninguém retorne ao local do vazamento até que seja declarado seguro pelos profissionais.

A Algás e o Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas reafirmam seu compromisso com a segurança da população e continuam a trabalhar juntos para prevenir acidentes e garantir uma resposta rápida e eficaz em situações de emergência. Para mais informações ligue 117 (Algás), 193 ou (82) 98833-8921 (CBMAL).

A presente iniciativa conjunta visa garantir que a população de Alagoas esteja sempre bem informada e preparada para agir de forma correta em situações de emergência relacionadas ao vazamento de gás natural.

*Com Assessoria